“Impedimento” é uma palavra com dois possíveis significados no dicionário da língua portuguesa. A primeira refere-se àquilo que impede, como um estorvo ou obstáculo, enquanto segunda se refere à posição irregular no futebol (Brasil sil sil 😂).

No primeiro exemplo temos um significado que descreve muito bem o contexto que desejamos. Um obstáculo, ou seja, algo que deve ser ultrapassado para atingir um objetivo.
Já no segundo, podemos brincar lembrando que o “impedimento” de um jogador pode anular um gol, impedindo o bom desempenho do time.

Quando falamos de Scrum, o impedimento (impediment, em Inglês) é citado no guia duas vezes, sendo uma para o papel Scrum Master e outra para o evento Daily Scrum:

Entenda como o Scrum Master ajuda o time:

Removing impediments to the Development Team’s progress;

Descrevendo a Daily Scrum:

Daily Scrums improve communications, eliminate other meetings, identify impediments to development for removal, highlight and promote quick decision-making, and improve the Development Team’s level of knowledge. This is a key inspect and adapt meeting.

O que é um impedimento?

Impedimento é qualquer fator que impeça ou retarde o time de realizar o trabalho. Com isso, o impacto é bem nítido na queda da produtividade e/ou velocidade do time.
Outra maneira de definir seria qualquer problema que vai além da auto-organização do time.

Mas afinal, quem remove impedimentos ?
O papel no Scrum que é responsável pela remoção de impedimentos é do Scrum Master, conforme citado acima, pois ele sempre está presente, conectado com o time e com o ecossistema corporativo.

Um bom Scrum Master tem a capacidade de distinguir o que é um bloqueio (que afeta uma tarefa, por exemplo) de um impedimento (que afeta o resultado da Sprint em geral) e além disso faz o rastreio desse impedimento, realiza uma facilitação entre áreas de negócio, assim como o remove definitivamente.

Faço um contraponto, colocando a responsabilidade também para o time de desenvolvimento, pois eles precisam se comunicar bem quando acontece um impedimento, assim como quando se tem um Scrum Master que empodera seus times ele deixa o próprio time correr atrás e remover o impedimento que está afetando o resultado final.

O impedimento terá proporções e até significados diferentes durante a curva de maturidade do time, vou dar alguns exemplos com a “curva de Tuckman”, lembrando que isso não é uma regra, mas acontece na maioria das vezes:

Durante o Forming (formação do time)

Pouco impedimento, tudo corre bem, o time ainda não entende o que é impedimento, mas como a meta das sprints não são atendidas e o BOM Scrum Master orientará o time. O time começará a reportar impedimentos timidamente.

Durante o Storming (“pau quebrando” 😂)

Neste momento tudo é impedimento. “O P.O mandou um e-mail sobre uma história” o time já diz que é “impedimento”, troca de algum item do backlog (mesmo que tenha a mesma pontuação) o time dirá que é “impedimento, o ar condicionado não esta gelando bem = impedimento, o almoço não estava legal = impedimento, o outro time demorou 45 minutos pra responder uma dúvida = impedimento. Este é o momento que toda desculpa será chamada de “impedimento”.

Força Scrum Master isso vai passar mas, neste momento, um bom Scrum Master deve ser paciente e mentor.

Durante o Norming (time vivendo a realidade)

Neste momento os impedimentos que aparecerão serão mais pontuais e provavelmente precisarão da liderança, negociação e “jogo de cintura” do Scrum Master. Este time já resolve quase tudo por conta e quando dizem que tem um impedimento, o Scrum Master já entende que não é tempo de ser “mentor” e sim de ser “removedor”.

Durante o Performing (time voando)

Aqui quase não se vê impedimentos no board.

O time já conhece os processos e as pessoas, já articula bem a resolução de todos os itens simples e médios ficando para o Scrum Master apenas os obstáculos que envolvem: ego, negociação, politicagem, etc.

Mas, quais os principais tipos de impedimentos?

Segue abaixo um infográfico, onde destacamos alguns dos impedimentos mais comuns relacionados a : tecnologia, processo e pessoas:

Como conseguimos remover e tratar os impedimentos?

Seguem abaixo algumas dicas sobre remoção de impedimentos:

  1. Não espere a Daily Scrum para falar sobre um impedimento identificado, registre esse impedimento, chame o Scrum Master para que isso traga o menor impacto possível para a meta da Sprint;
  2. Usar objetivo da Sprint, se o impedimento não afeta a Sprint em questão, registre, mas não gaste esforços extras: Não gaste tempo na solução do problema errado!
  3. Melhorar a transparência, dêem visibilidade para todos, através de ferramentas e radiadores de informação (seu board, kanban etc.);
  4. Acompanhe e faça rastreabilidade de impedimentos fixos;
  5. Seja corajoso e criativo;
  6. Colaborem com o Product Owner;
  7. Usem o refinamento para se antecipar a impedimentos clássicos;
  8. Coloquem no DOR (Definition of Ready, em português “definição de preparado”). Deixem claro que PBI (item de backlog) que já possui um impedimento conhecido não deve entrar até o impedimento ser removido.
  9. Revisem os impedimentos conhecidos na planning. Caso algum PBI passe pelo refinamento não deixe entrar no Sprint Backlog.
  10. Esse 10 só entrou para ter 10 mesmo, como se fossem os 10 mandamentos.

Pesquisando sobre abordagem para lidar com impedimentos, achamos uma forma interessante, com 5 etapas: Confirmar, Triagem, Remover, Dar Visibilidade e Aprender (ConTROL):

Fonte: https://www.axisagile.com.au/blog/planning-and-metrics/incriminating-impediments/

Concluindo

Para identificar e remover impedimentos não existem varinha mágica ou bala de prata, por isso é sempre importante que uma vez identificado, todos se responsabilizem para correr atrás e remover o mais rápido possível.

Impedimentos nos levam a desperdício, e precisam ser eliminados em tempo real para não impactarem a produtividade do time.

Mas acredito que a dica de ouro é: tente se antecipar aos impedimentos conhecidos.

E aí, como vocês abordam seus impedimentos? Como os tornam visíveis? Vocês tem uma lista de impedimentos conhecidos?

Vamos discutir o tema com a comunidade; compartilhe, comente sua experiência, dê like no artigo para ele ganhar relevância e vamos falar sério sobre o tema.

Tem dúvidas sobre o mundo ágil? Conte pra gente!

Este artigo foi escrito pelos parceiros Ricardo Bruno, MBA, CSM, CSPO, SFC, CLF, CAC

e João Batista Santos – JB.

× Como posso te ajudar?